terça-feira, 29 de janeiro de 2008

Teenager doentinha


Já não bastava ter-se tornado adolescente (está no 1º cio) e passar as noites a "chorar", como também ficou doente, a minha Mel.
Depois de umas noites mal passadas, andar abatida, sem comer nem beber, já levei a minha pequenina ao Veterinário, que a medicou.
Nunca pensei ficar tão aflita e ansiosa pela minha gatinha...
Agora é esperar que fique bem depressa para voltar às traquinices!

14 comentários:

mik@ disse...

tens uma miauzita muito linda :) deve ser um amor. espero que fique boa rápido :)
beijinho

AllenGirll disse...

:) Quando as nossas companhias "animalescas" nos pregam partidas destas ficamos sem saber mesmo o que fazer... Ficamos apreensivas, muito apreensivas. Na verdade, os animais, neste caso os gatos, fazem-nos muita companhia e quando damos conta, apercebemo-nos que, sem eles, a nossa vida seria muito mais triste. Daí que tenhamos muito medo de os perder, porque, no fundo, eles fazem parte da família. Eu nem consigo imaginar a minha vida sem as minhas meninas... :) bjinhs e melhoras para a Mel*

Jasmim disse...

Obrigada... e estou mesmo aflita por ela, não está melhor, anda muito abatida e pelos vistos vai demorar um tempinho a melhorar. :(

Mios disse...

Só quero dar uma opinião.
Eu, que sempre tive gata, acho que é melhor fazer uma esterilização.
Não o fiz com a minha 1ª gata, e arrependi-me.
Com as outras já não tive dúvidas, uma está com 15 anos e a outra com 3,e sempre saudáveis.
É que gatas com cio é do pior, sofrem imenso, ficam tristes e adoecem.
Espero que a sua Mel fique boa rapidamente.

Jasmim disse...

Olá mios
Obrigada pela visita e pelo comentário. Ainda estou na dúvida sobre o que fazer no caso da Mel, se esterilização, se lhe dou a pílula, de 5 em 5 meses. Ambos os métodos têm vantagens e desvantagens, mas estou mais inclinada para a pílula, já que parece não haver relação directa entre esta e os tumores que por vezes aparecem mais tarde. Volta sempre!

Pearl disse...

Oh coitadita!!!
As rápidas melhoras para ela!!!
:o)))***

Mios disse...

Olá de novo,
Pois...
Era exactamente a pílula que eu dava à falecida, e acontece que os cios nem sempre são regulares, e bastava um dia para termos festa, com direito a concerto, depressão, e tudo...
E depois, se não está a pensar cruzá-la, dar-lhe hormonas para quê?
A operação implica os riscos inerentes à mesma, mas que são mínimos e bastante compensatórios. A minha experiência é que a recuperação é muito rápida e depois... é uma alegria. Ficamos com gata, nova para sempre.
Desculpe estar a dar-lhe a minha opinião, mas é que parece estar completamente apaixonada pela sua Mel.
As melhoras.

Jasmim disse...

Mios, obrigada pela opinião esclarecedora, não peças desculpa! De facto não estou a pensar em ter ninhadas da Mel, mas tinha receio que a cirurgia fosse um choque grande para ela, os gatitos são tão sensíveis à dor e ficam tão magoados com os donos...não queria que ela sofresse muito. Não sabia que com a pílula havia o risco de ela ter o cio, se lhe desse de 5 em 5 meses. Obrigada mais uma vez, vou pensar bem! Ela tá a ficar melhorzinha... :)

Hydrargirum disse...

Oh tadinha!!!:/

Espero que melhore rapidamente...!!!

Jinhos:)

Carol Barcellos disse...

Dê muitos beijinhos doces cristalizados na Mel por mim, espero que ela melhore rapidinho...
Às vezes, a gente até recrimina os outros, mas quando o bichinho da gente fica doente, a gente esquece tudo e fica tão aflito como se fosse por uma criança. Afinla de contas, a gente pega amizade e carinho pelos nossos lindinhos, não é?
Beijocas cristalizadas pra vc tb, que é uma ótima dona pra sua Mel, responsável e atenciosa! :0*

AllenGirll disse...

OH Jasmim, uma dica: Eu tenho 3 meninas, a mais nova foi agora esterilizada. Quando fui lá depois da operação, a veterinária quiz mostrar-me o útero dela e disse que, pela cor que apresentava, se eu não fizesse a operação, possívelmente, teria um tumor (e nunca lhe havia dado a pílula!). Eu opto sempre pela estirilização, apesar de tudo! As minhas meninas mais velhas já têm 4 anos e estão boas!=) Ao menos não andei a introduzir-lhes químicos que já fazem mal aos seres humanos, quanto mais aos animais! Pensa bem. Jinhs*

Jasmim disse...

Obrigada Allengirl, agora estou a ficar cada vez mais inclinada para a esterilização...

safira disse...

Oi Jasmim!

Mas o que é o vet lhe diagnosticou? Tem mesmo a ver com o cio? Coitadinha...
Li também os outros comentários,e como também tenho uma gatinha, que já tem 9 anos e que nunca esteve doente, felizmente, tirando uma ou outra infecção urinária, própria da raça, fica aqui o meu testemunho de que apesar de não ser esterilizada também não sofrer por aí além com os cios. Quando era mais nova, sim, miava e roçava-se muito, mas nunca ficou doente. Mas aconselharam-me de facto a esterilizá-la, só que já foi aos 7 anos, e eu achei que não valia a pena expo-la a uma cirurgia invasiva dessas. E hoje em dia, está lindamente.
Os meus gatos, sim, são ambos esterilizados.
Espero que a tua pequenina melhore depressa!!
Beijinhos

Jasmim disse...

Oi Safira

Acabei por não explicar a situação muito bem no post. Ela ficou doente, mas não tem a ver com o cio, apesar de isso tb não ajudar porque as defesas tb ficam mais em baixo. Ela ficou com uma obstrução intestinal, não conseguia defecar e isso provocava-lhe cólicas e resultou numa inflamação, endrite. :(
Mas agora já está melhor, já come e já não precisa de levar a dose diária de soro e 3 injecções de antibiótico!
Quanto à esterilização, vamos mesmo optar pela cirurgia, mas só quando estiver completamente recuperada. O cio dela manifesta-se muito... ou seja, não nos deixa dormir à noite, farta-se de "chorar".
Obrigada pela tua opinião!